janeiro 29, 2007

27/01/2007 Jogo 15 - MAFRA - 2 / REAL S. C. - 1
O Real S. C. alinhou com a seguinte equipa:
Chico, Rafael, Teixeira, José Carlos, Nãnã (cap.), Barreto, Alves, Berto, Gim, Pedro Domingos, Mendes
Alinharam ainda:
Bazuka, José "Borras", Fernando Costa, Fernando "Careca", Malaico, José Silva, Luis Neves, Manuel, João Pedro
Marcha do resultado:
1 - 0 Mafra
Intervalo
1 - 1 Real (Teixeira)
2 -1 Mafra
Jogo disputado no Centro Militar de Mafra num relvado natural algo maltratado, num terreno com muitas irregularidades e de difícil controlo da bola.
O Mafra adaptou-se melhor no ínicio da partida ás condições do relvado e através de um futebol mais directo, criou alguns problemas ao Real que não conseguia explanar o seu futebol mais de pé para pé. A equipa do Mafra conseguiu nesse período inaugurar o marcador através de um lance aparentemente inofensivo, mas em que um ressalto da bolo no terreno traiu a defensiva do Real, logo aproveitado pelo jogador do Mafra para facturar. O Real quando se encontrou em desvantagem começou então a pressionar mais á frente, o Mafra perdeu muitas bolas perto da sua área e por isso os últimos minutos da primeira parte foram de domínio absoluto do Realk que nessa fase do jogo conquistou 15 cantos!!!! a seu favor e várias ouportunidades de golo, algumas claras que desperdiçamos ora por ineficácea ora por mérito do guiarda-redes do Mafra que foi só o melhor elemento em campo. O resultado ao intervalo era de todo injusto pelo futebol que as equipas praticaram.
Na segunda metade o Real fez nove alterações, a equipa partiu-se um pouco a meio campo jogando com as suas linhas mais afastadas, tentando jogar também um futebol mais directo adaptando-se ás características do relvado e consegiui então a igualdade que já merecia á muito através de um bom golpe de cabeça do Teixeira. Numa altura em que o futebol era de baixa qualidade, qualquer equipa podia chegar ao golo e acabou por ser mais feliz o Mafra, que alcançou o golo que viria a ser o da vitória num lance individual, com um bom remate á entrada da área ainda desviado por um jogador do Real e que traíu o guarda-redes. Pelo que se viu no relvado o resultado justo seria o empate, pois o jogo foi de fraca qualidade, tirando os últimos minutos do primeiro tempo em que o Real foi manifestamente superior, falhando contudo na finalização como aliás vem sendo hábito.
Arbitragem razoável sem influência no resultado.

1 Comments:

At 29 janeiro, 2007, Anonymous Anónimo said...

Mais uma vez o jogo ficou marcado pela nossa falta de concentração na hora de finalizar e também pela nossa maneira de encarar o jogo e os resultados dos mesmos,pois todos queremos jogar os mesmos minutos estando em condições ou não de o fazer , não está em causa o valor de cada um,mas sim o rendimento que podem dar em prol da equipa , como exemplo disso temos só no espaço de uma semana dois jogos totalmente distintos em Torres Vedras o grupo quis ganhar e em Mafra quizemos só divertir, de qualquer das maneiras foi um bom convivio pois compareceram quase na totalidade todos os elementos do nosso grupo e nos veteranos isso é o mais importante mesmo que não seja para jogar futebol caso dos nossos colegas Kaly e Edu a quem desejo uma rápida recuperação . Faria

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home